.

.

24 de janeiro de 2018














19 de janeiro de 2018



As dádivas do Bom Pastor no salmo 23

“O SENHOR é o meu pastor, nada me faltará.
Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranqüilas.
Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça, por amor do seu nome.
Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam.
Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda.
Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do Senhor por longos dias.”
(Salmos 23:1-6)

Não é à toa que o salmo 23 é um dos mais conhecidos da bíblia, nele o salmista nos fala de diversas dádivas que o Bom Pastor dispensa àqueles que desejam segui-lo. Vamos meditar agora um pouco sobre qual belas são estas dádivas:
A primeira dádiva que encontramos no salmo 23 é a constante provisão do Pastor Amado, por que Ele é o meu pastor nada me faltará. Só é importante que entendamos que podemos sempre esperar Dele o cuidado e a provisão e nem sempre a riqueza como acreditam os adeptos da teologia da prosperidade. Não podemos nos esquecer que a piedade é uma grande fonte de lucro, mas com o contentamento (1 Timóteo 6:6).
Depois encontramos a dádiva do descanso e do refrigério, em meio a este mundo corrido e tumultuado ele me faz deitar em verdes pastos e me conduz as águas tranquilas. O descanso que Ele me proporciona vai muito além do meu físico, “refrigera a minha alma”.
Agora a maior dádiva certamente é esta: a sua condução pelos caminhos da sua justiça, Ele “guia-me pelas veredas da justiça” e isto Ele faz “por amor do seu nome”. Esta é a maior dádiva porque quando o Senhor me conduz pelos caminhos da sua justiça então deixo de praticar aquelas obras que são próprias da minha natureza caída, obras que inevitavelmente trazem consequências terríveis para aqueles que as praticam, porque todo pecado traz a sua consequência (Gálatas 6:7,8). Quando estou convicto da sua condução fico tranquilo, pois a Palavra garante que “o Senhor conhece o caminho dos justos; porém o caminho dos ímpios perecerá.” (Salmos 1:6).
Quando o Senhor é o meu supremo pastor, disponho também daperfeita segurança que Ele me proporciona, mesmo nos lugares mais terríveis: “Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo;”. Sendo Ele “...o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia... não temeremos, ainda que a terra se mude, e ainda que os montes se transportem para o meio dos mares. Ainda que as águas rujam e se perturbem, ainda que os montes se abalem pela sua braveza.”(Salmos 46:1-3). Aconteça o que acontecer, saberemos que vamos estar seguros debaixo das suas asas (Salmos 91:4).
Quando o Senhor é o meu supremo pastor, encontro também nele consolo“a tua vara e o teu cajado me consolam”. Mesmo nos momentos em que Ele decidir permitir que alguma tribulação desta vida me alcance, não estarei só. Ele sempre estará comigo para me fortalecer e consolar.
Quando o Senhor é o meu pastor, Ele me concede ainda adádiva de ser honrado por Ele“Preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos, unges a minha cabeça com óleo, o meu cálice transborda.” Até mesmo aqueles que se colocam como meus inimigos contemplarão o que o Senhor a de fazer por mim e assim ficarei alegre, o meu cálice transbordará.
E por fim, quando o Senhor é o meu pastor Ele me concede desfrutar da sua bondade e misericórdia habitando em sua casa:“Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do Senhor por longos dias.”A bíblia assegura que os ímpios não poderão permanecer nos átrios do Senhor (Salmos 1:5), mas os que verdadeiramente se dispõem a seguir o Bom Pastor estarão na sua casa até o ultimo dia de suas vidas.

Me empenhando constantemente para pertencer ao redil do Pastor amado, assim desfrutarei de todas as suas dádivas e habitarei para sempre em sua casa.

Sidone Gouveia

fonte http://sidonemeditandonapalavra.blogspot.com.br/2018/01/as-dadivas-do-bom-pastor-no-salmo-23.html




























14 de janeiro de 2018
































BEM VINDO A NOSSA PAGINA, NÃO ESQUEÇA DE CURTIR E DEIXAR O SEU COMENTARIO..

SEJAM TODOS BEM VINDO DEIXE O SEU RECADO

Marcadores

Tecnologia do Blogger.

.

.

Translate - tradutor

Rádio Web Hinos Inspirados


Rádio RAÍZES EVANGÉLICAS


Rádio SANTUÁRIO LÍRIOS DOS VALES


SE GOSTOU DO BLOG,CURTA A NOSSA PAGINA

SEJA NOSSO SEGUIDOR

Recados

Vaninha Meu Barco.

Lourival de Freitas e Marinalva de Jesus - Coroa da Vida

Jacira Silva - O Lugar de todo Crente

CICERO NOGUEIRA - SE JESUS VOLTASSE AGORA

Vaninha - Sirriso Alegre

ELIEZER ROSA - BEM AVENTURANÇA DO CRENTE

ALCEU PIRES - O DIA DO ARREBATAMENTO E NO ARREBATAMENTO DA IGREJA

Célia da Silva toca-me senhor

visitantes